VERãO DIVERTIDO à DESCOBERTA DAS ESTAçõES NáUTICAS DO ALENTEJO

A água é o fio condutor desta viagem. Do rio ao mar, há aventuras sem fim em sete oásis que refrescam o verão em cenários de relaxamento e contemplação, ou em dinâmicas atividades na água, a partir das Estações Náuticas do Alentejo

Nadar em águas abertas, passear de barco, praticar vela, stand-up paddle, wakeboard e esqui aquático, pescar ou simplesmente tomar banhos de sol junto a água. As Estações Náuticas do Alentejo oferecem programas e infraestruturas muito completas, com praias fluviais, zonas de sombra e merendas, areais, atividades aquáticas, além de bares de apoio e restaurantes.

A água é também sinónimo de fertilidade e alimento, que contribuem para a concentração de fauna e flora, que geram ecossistemas únicos, dignos de observação, e convidam a caminhadas pela envolvente natural. Alandroal, Avis, Mértola, Monsaraz, Moura-Alqueva, Odemira e Sines são os concelhos da região do Alentejo com Estações Náuticas para explorar dentro e fora de água. Pode consultar mais informações na página das Estações Náuticas de Portugal.

Estação Náutica de Alandroal

A meia hora do centro da vila raiana de Alandroal, no distrito de Évora, a Estação Náutica é um mundo de possibilidades refrescantes: navegação à vela, pesca desportiva e recreativa, passeios de barco e de caiaque (com a Alqueva Tours by Aquaspace. Tel. 914312922), canoagem, stand-up paddle (com a Hobbyzone. Tel. 933420854), wakeboard e esqui náutico (através Alqueva Cruzeiros. Tel. 933420854). Uma atividade, que consta muitas vezes do imaginário de quem visita uma estação náutica, e olha agora a dimensão do espelho de água, é a natação em águas abertas. Independentemente do nível de perícia, experiencie uma combinação de viagem e natação (Study Up – swim together. Tel. 917147424) em lugares naturais únicos.

A praia fluvial de Azenhas d’El Rei, oferece um areal de 148 metros e chapéus de colmo para se abrigar do sol. Faz fronteira com a praia espanhola de Cheles, na outra margem, a escassos metros de canoa. A “cereja no topo do bolo” é o restaurante Raya, que utiliza produtos 100% biológicos oriundos da herdade Terramay (Tel. 932013496), quinta que preconiza o conceito “do campo para a praia” e que dispõe de um barco que o pode levar até ao restaurante em Azenhas d’El Rei. Para quem deseja ter uma experiência entre água e terra, um tuk tuk faz o percurso entre Monte Juntos e a praia fluvial, basta contactar a TukFecit (Tel. 966772221).

Estação Naútica de Avis

A albufeira, criada pela barragem do Maranhão, alimentada pelas ribeiras da Seda, de Avis e da Raia, torna esta reserva de água o ponto de atração central da estação náutica de Avis. Usufrui de uma praia fluvial com chapéus de colmo, um parque de merendas e um parque de campismo. O Clube Náutico de Avis tira partido dos atributos e dimensões da albufeira. Se for dado à experimentação, remo, canoagem, windsurf, kitesurf, pesca, vela e esqui aquático fazem parte do “cardápio” de modalidades disponíveis. Explore os mais de 40 km navegáveis desta barragem de barco, ou, se é adepto do remo, tire partido da pista com 2 km de extensão, disponível ao longo do ano e localizada na área do Complexo do Clube Náutico. Um restaurante permite desde tomar uma bebida a sentar-se à mesa e fazer uma refeição.

Outra sugestão recai num programa para conhecer os meandros da albufeira. Resulta de uma parceria entre as Azenhas da Seda (Tel. 266448036) e a Montes de Charme (Tel. 912442929): um passeio de barco, com mergulhos, SUP e canoas, a meio do percurso, que termina com prova de vinhos e produtos regionais a bordo. Pode ainda optar por um ecológico passeio em barco solar com a Alem-Tejo Eco Boat Tours (Tel. 918146835).

Estação Náutica de Mértola

A Estação Náutica de Mértola é constituída por três polos. O primeiro situa-se no Pomarão, antigo porto fluvial do complexo mineiro da Mina de S. Domingos, local onde fica o segundo polo, com a aldeia mineira junto à praia fluvial da Tapada Grande, águas de pista internacional de canoagem, remo e natação em águas livres. O terceiro é a vila de Mértola e o seu entorno. O acesso facilitado à água com o Guadiana por perto, a navegabilidade do rio, com um leito encaixado por montes e vales, com um curso irregular, refúgio de vida selvagem, acolhe aventura, desporto e cultura. Os percursos de barco são privilegiados e dão a conhecer, entre outros, as Azenhas do Guadiana, património da Ordem de Santiago, que durante séculos transformaram cereal em farinha, agora lugares de banhos e de natureza. O curso do rio, entre os canais e azenhas, é um dos percursos mais procurados, seja para fazer de barco ou canoa. Pelo caminho, a paisagem é dominada por grandes escarpas rochosas e há sempre a possibilidade de uma paragem para banhos nas águas calmas do rio.

Para os mais aventureiros o desafio é descer o rio numa noite de luar. Para estes vários passeios, existem os parceiros Nautimértola (Tel. 286612044), Beira Náutica (Tel. 286611190), Happy Guadiana (Tel. 969002218) e Lynxlands (Tel. 934187455). Já na Tapada Grande, albufeira de 84 hectares, resultante da barragem construída durante o séc. XIX pela empresa mineira Mason & Barry e inserida no Parque Natural do Vale do Guadiana, encontra a praia fluvial, circundada de árvores e apoiada por um bar. Durante o verão há concertos, aos domingos existe biblioteca de praia, e, no mês de agosto, a não perder, o evento Mértola Radical, durante o qual pode praticar flyboard ou fazer slide. Siga de canoa, faça percursos pedestres, faça visitas culturais guiadas à Mina de S. Domingos e antigo complexo mineiro (Tel. 286647534).

Estação Náutica de Monsaraz

O concelho de Reguengos de Monsaraz, no distrito de Évora, surge enquadrado pelo dourado da planície alentejana e pelo azul das águas do Alqueva. Tem “boa vizinhança”: Redondo e Alandroal a norte, Mourão a este, Moura e Portel a sul e Évora a oeste. Estão privilegiadas as atividades ao ar livre, em contacto com a natureza, como passeios de barco, passeios a pé ou a cavalo pelos caminhos de terra batida, caça ou pesca. A Estacão Náutica de Monsaraz integra uma praia, que tira partido da extensa margem do maior lago artificial da Europa, o Alqueva. Com uma piscina para crianças, dispõe de gaivotas e canoas para alugar e zona de relvado com sombras para poder descontrair a apreciar a paisagem.

No centro náutico encontra um polo de oferta de desportos, com bar, ancoradouro e zona de merendas com mesas de piquenique. A bordo do veleiro Sem-Fim, do Iate Glória ou do semirrígido Zagolina faça um passeio por estas águas tranquilas, petisque ou almoce a bordo e passe uma noite no iate. Estão ainda disponíveis pranchas de SUP, smartkat (vela ou motor), boias de tração, esqui aquático, wakeboard, windsurf, bodyboards elétricas para desfrutar das águas em cenário idílico. Também em conjunto com o Veleiro Sem-fim (Tel. 961667584), a Dark Sky Alqueva (Tel. 913103540) ajuda a usufruir da melhor forma do fantástico céu do interior do Alentejo.

Estação Naútica de Moura-Alqueva

A Estação Náutica de Moura-Alqueva acaba de inaugurar uma praia fluvial, a Praia do Lago, com piscinas e passadiços, bar e agenda de animação. O Centro Náutico de Moura fica localizado junto ao Núcleo da Barragem de Alqueva, nas proximidades do paredão, é, por excelência, um dos locais mais procurados da Albufeira de Alqueva, resultado da localização, com ótimos acessos e a escassa distância da cidade de Moura. Atualmente, oferece diversas infraestruturas de apoio às atividades náuticas como uma rampa de acesso à água, duas plataformas flutuantes de acostagem e um cais ancoradouro. Para praticar canoagem, vela, winfdsurf ou stand-up paddle, marque através do Centro Náutico da Estrela, aldeia ribeirinha do Alqueva que merece visita. Aproveite e faça um piquenique desfrutando das magnificas paisagens.

Já o Cais da Barca, também designado Cais do Fragal, localiza-se na Albufeira de Pedrógão, a 4 km da cidade de Moura, e permite praticar remo, canoagem e SUP. Junta-se a esta infraestrutura o Centro de Remo do Ardil, espaço natural não edificado, onde é possível praticar remo e canoagem, uma vez que a água é espelhada e apresenta margens onde acompanhar as provas e regatas. Saiba ainda que a estação Moura-Alqueva dispõe de área de serviço para autocaravanas.

Estação Náutica de Odemira

A Estação Náutica de Odemira compreende três polos no curso do rio Mira, o de Vila Nova de Milfontes, o de Odemira e o da albufeira da Barragem de Santa Clara. Em Vila Nova de Milfontes, o centro e escola de mergulho livre Águas-Vivas (Tel. 962282863) proporciona experiências únicas de treino de mar, fun dive com moto-subaquática, pesca submarina, snorkeling e mesmo mergulho em apneia. Com 10 anos de experiência, a Ecotrails (Tel. 967155383) organiza passeios de canoa no rio Mira. São mais de 40 km de uma experiência de natureza, em pleno Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina, seguindo o curso do rio, ladeado por areais e vegetação. Neste rio consegue encontrar 130 espécies de fauna e quanto à flora, pode admirar plantas de sapal, juncais, caniçais e prados húmidos. Mais perto de Odemira, o rio é acompanhado por galerias ripícolas, compostas principalmente por salgueiros, freixos e choupos. Os passeios de barco são uma opção incontornável, sendo possível a navegação de pequenas embarcações entre Vila Nova de Milfontes e Odemira.

No imenso espelho de água da albufeira da Barragem de Santa Clara, a zona balnear, com estacionamento, uma plataforma flutuante e área de lazer, ostenta Bandeira Azul e está classificada como praia de Qualidade Ouro e Zero Poluição. Com o apoio do polo da Estação Náutica de Odemira ou das várias empresas de animação turística, a partir do cais, há a possibilidade de experienciar várias atividades, desde passeios de barco, canoagem, stand-up paddle e pesca do achigã, do pimpão ou do lagostim. A envolvente oferece um percurso pedestre circular integrado na Rota Vicentina, com opção de fazer observação de aves.

Na agenda da estação náutica estão o Campeonato de Canoagem de Mar e a Subida do Rio Mira em K4, ambas iniciativas do Clube Fluvial Odemirense, Clube Náutico Milfontes e Clube Náutico Litoral Alentejano (Tel. 969892124) e ainda a Pesca Embarcada – Achigã (Clube Odemirense Tel. 962381955). Noutro registo, a Associação Foz do Mira convida a uma sessão de surf (Tel. 926410026).

Estação Náutica de Sines

A localização costeira da Estação Náutica de Sines é naturalmente motivo de atividades aquáticas numerosas e diversificadas. Com o Clube Náutico de Sines pratique canoagem, caiaque e vela (Tel. 934995632). A Escola de Surf do Litoral Alentejano, outro parceiro da Estação Náutica de Sines, promove aulas e organiza campos de surf na emblemática praia de S. Torpes. (Tel. 925660163) desde 1998 mas, para as mesmas modalidades também tem disponível, na mesma praia, a Kalux Surf Sines (Tel. 969176076). Com a Ecoalga (Tel. 964620394), escola e centro de mergulho na costa alentejana, com 20 anos de trabalho a divulgar o oceano português, é possível agendar batismos no mar, cursos e saídas de mergulho. Aluga equipamento de mergulho, embarcações e equipamento de fotografia/vídeo. A Wild Nature Surf Camp, mais do que um surf camp convencional, cria experiências em comunidade, propõe aulas de surf, passeios/trails pela Costa Vicentina, aulas de ioga e ainda mergulho com garrafa (Tel. 960419937). Já a associação sem fins lucrativos Sines Surf Clube apoia a prática de desportos ligados ao mar como o surf, bodyboard, SUP, assim como desportos radicais (Skate e BMX) e basquetebol. Se optar por ficar no Mute, hostel de charme situado mesmo em frente à Praia Pequena de Porto Covo (Tel. 269096246), há aulas de surf, SUP e yoga. Desfrute do brunch e da pizzaria ao ar livre que funciona na época estival.

Para a produção deste conteúdo, o Boa Cama Boa Mesa contou com o apoio do Turismo do Alentejo.

Este projeto é apoiado por patrocinadores, sendo todo o conteúdo criado, editado e produzido pelo Expresso (ver código de conduta), sem interferência externa.

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook, no Instagram!

2024-07-10T11:00:33Z dg43tfdfdgfd